:)

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Aurora Boreal

Um dia para pensar como posso resolver os meu problemas. Deparo-me sempre a tua procura seja onde for, olhos para cada esquina, a cada entrada numa loja, a cada saída de carro, a cada vento que se sopra em lugar algum. É assim quase todos os dia. É impossível esquecer te, acredita que é. Sinto-me tão frustrada com isso. Sei que em ti não devo pensar, nem te procurar a cada esquina de cada rua. Mas no momento em que te vejo todos os dias, para mim é um sofrimento angustiante. Como te poderei esquecer, se sei que és tu que estas li ao pé dos teus amigos? Diz-me? Não falamos já a algum tempo, mas eu acho que era presciso falarmos, a final é o ultimo ano que te vou ver e queria ter uma última conversa, não sei bem se será o mais correto para mim, mas o quê que queres? Eu sou assim, um pouco chata. Só quero esclarecer mal entendidos. Doí estar nessa situação sozinha, porque não quero chatear mais ninguém com esse assunto que já não tem pés nem cabeça.



domingo, 4 de novembro de 2012

Vida de desamor

Depois de deixares de existires, tens de me descobrir.
És interno para mim.






p,s. já não sei o que fazer ou o que pensar.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Episódio da vida nº 1: Serás tu?






Conheci-te à mais de duas semana, disseste ao amigo da minha amiga, que a minha amiga me disse a mim, que estavas interessado em mim, falamos a semana toda, a semana passada não falamos e continuamos a não falar, why? O que queres de mim ruivo de olhos verdes? Nenhum rapaz até agora esteve interessado em mim e apareces tu, que chato, mas ao mesmo tempo obrigada, conheci uma pessoa nova, o nesse caso um rapaz novo, novo no sentido de conhecer e no sentido de idade. Sim é verdade és mais novo que eu dois anos, mas enfim, a idade ás vezes não quer dizer nada. O mais engraçado em ti é que és voluntário dos bombeiros e queres seguir a vida de marinheiro, acho engraçado porque nenhum rapaz com a tua idade iria seguir a vida de marinheiro, é algo diferente em ti.
O certo e que tenho uma queda para ruivos, mas nunca gostei de nenhum!!!

p.s. à espera que voltes a falar comigo, afinal és tu que estas interessado em mim. :P


sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Quando mais preciso das pessoas elas desistem de mim.


Foi o que tu fizeste...

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Com os meus sentimentos



Nem sei por onde ir.

O caminho está escuro
e eu tenho medo de sair.

Ninguém vai conseguir
tirar-me daqui.
Só quero é fugir.

Tento esconder a minha tristeza,
rindo e dizendo que está tudo bem.

Parei para pensar,
e quando dei por mim
estava a chorar
agarrei-me a uma almofada e adormeci.

Dei por mim a sonhar
que estava abraçada o "mar"
e que ventos não desistiram
de me apanhar.

Querendo acreditar,
é que não consigo,
vou parar de pensar um pouco,
e começar a chorar.
Pois de todo o belo que já vi.
já posso descansar em paz.


P.s quadro feito por mim.




quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Só sei que...

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Certo dia

Um velho estava sentado num banco de jardim, estava triste e muito pensativo, ele tinha um carrinho de bebé com varias bonecas. Três meninas curiosas foram ter com o velhote e perguntaram lhe se as bonecas eram dele, ao que ele lhes responde- "Já não são minhas, são de quem gostar delas. Vocês gostam de alguma? Se gostarem podem levar a boneca que mais gostarem." E cada menina levou a boneca que mais gostou. Depois o velhote deixou o resto das bonecas no banco de jardim e foi-se embora e antes de ir embora falou com as bonecas-"Não tenham medo, passam muitas meninas aqui e de certeza que vão ficar com vocês para brincarem muito." Um grupo de quatro crianças amigas dele estavam a observa-lo de uma árvore e depois de ele ter ido embora foram buscar o carrinho de bonecas para a loja da avó de uma das crianças.
Estas bonecas eram muito importantes para aquele velho do jardim. Tinham um valor sentimental muito grande. Estas bonecas contavam uma história de cada mulher.

Quem sou eu?

                              

                        Sou tímida e envergonhada
                        quase pareço uma bolinha
                        inchada rebolo quase não
                        poder mais.

                                          Gosto de chocolate e
                                          de gomas de várias
                                          formas e feitios ás
                                          bolinhas e as tirinhas.
 
                        Os meus amigos são
                        fieis a mim
                        eles contentes
                        e eu fico feliz.

                                          Não gosto que me chateiem,
                                          nem me zangar com ninguém,
                                          sou uma pessoa calma
                                          não esfolo ninguém.

                     Não sou bem uma pessoa triste,
                     tenho um ar normal,
                     não tenho ninguém
                     que me faça mal.

                                          Gosto de andar de bicicleta,
                                          mas não gosto muito de passear,
                                          vejo os pássaros
                                          a voar no ar.

p.s. poema que fiz no 7ºano :3

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Sou eu e depois???

De noite vejo as estrelas e a lua, mas não te vejo a ti. Verbo esperar alguém. És tu por ai.
Eu pessoalmente sou tímida, mas à medida que o tempo vai passando eu vou-me tornando divertida. Por mensagens sou mais  extrovertido e simpática.
Dizem que sou simpática e boa amiga, odeio que os outros se metam na minha vida e as dos outros e estragam relações. Odeio mentiras e pessoas falsas.
Odeio conclusões erradas.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

É o que acontece ao meu redor

Vejo pessoas a viver uma história de amor ou de drama, seja o que for, gostava de viver também numa história de amor, só vejo pessoas apaixonadas, aos beijos, queria tanto saber o que é ser amada, e que o tal rapaz fizesse aquelas loucuras todas por mim, como se vê muitas vezes, para conquistar a rapariga amada.
Vejo pessoas a sofrer por terem terminado uma história, o que simplesmente pediram um tempo, "acabou ou não, comigo não a tempos?" Rapaz troll.
Vejo raparigas confusas por gostarem de vários rapazes ao mesmo tempo, o que simplesmente curtem para estarem entretidas à espera do seu verdadeiro amor, que esteja numa escola de recuperação, e que só voltará daqui a um ano, até acabar o curso. Que só falam com eles uma vez por semana, e eles sabendo por elas, que estiveram a namorar ou a curtir com outro, porque já estavam fartas de esperar por eles. Raparigas trolls.
Vejo eles a sofrer por elas, por já não as terem por perto, o que se fartaram das cenas delas, e que eles pensavam que elas os traiam. E que agora uma amizade de à muito tempo, foi por água a baixo, uma história perdida, por não ter havido conquistas todos os dias, por ter sido tudo igual todos os dias, e por não terem as ouvido com atenção e agora, bebem e fumam cenas para esquecer que um dia existiu um historia entre eles e que houve um fim na relação.
Vejo gordinhas apaixonadas por kens, elas a pensarem que nunca vão ter namorados bonitos, só porque são gordinhas apaixonadas. Ainda gozadas por esses kens, elas continuam a gostar deles. Elas podem sofrer que eles não querem saber. Nem mesmo que uma delas, gordinha apaixonada por esse ken, tivera sido, sua melhor amiga. Magoadas, sem forças, já nem conseguem mais chorar. Kens do mundo da barbie, parvos, só beleza naquelas caras e nenhum sentimento.
Vejo rapazes gordinhos apaixonados desesperados, que criam perfis falsos nas redes sociais, só para chamar atenção das raparigas bonitas, as barbies. Metendo fotos de kens no perfil, é troll. Falando com esses rapazes, bloquearam essas contas e fizeram perfis verdadeiros. Gordinhos apaixonados voltaram agora à realidade.
Vejo raparigas magrinhas apaixonadas, que se vêm gordas e feias, à frente do espelho. Dizem que são gordas, mas são muito magrinhas, dizem ser feias, mas são muito bonitas. Sim, as raparigas com anorexia. Infelizmente é uma doença que afeta muitas raparigas adolescentes, e é uma doença grave. Dizem não serem felizes, mas serão um dia.
Vejo-me que um dia serei eu a participar e ficar para sempre numa historia de amor. Deixar de ser gordinha apaixonada e ser " a miúda dele". Ter ele por toda a parte, até ao fim, sabendo de vários relacionamentos que acabaram, que diziam ser para sempre e agora acabara uma história .
Quando o encontrar, espero que seja em breve, quero ser tal como sou. Ser eu mesma, sem rodeios e segredos.
Vejo-me a viver uma história de amor, muito apaixonante e para sempre.

P.s. Tenho medo de uma coisa... de me iludir e que essa história de amor não seja para sempre. 

 

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Ontem

Estou a ficar sem paciência para a minha mãe, a paciência tem limites mãe. Ontem fui ao Vasco da Gama coma  minha mãe ás compras haver de uns ténis, e bem, já não havia o número para mim, eram o ultimo stock. Acabei por comprar uns que me agradaram, mas não era aquilo que queria, paciência foi aqueles e pronto. Ponto final. Depois encontrei dois colegas de turma com os respectivos namorados (as). Viram-me e cumprimentaram, o mais estranho e que ficaram espantados por me verem ali, a minha colega ficou a olhar para mim com uma cara estranha, o meu colega ficou surpreendido. O que quê se passa? Estou diferente, é? Estou mais gorda o mais feia? É pá que estranhos. Eu até me senti mal, por terem reagido assim, com aquelas caras de espanto. Mas enfim... coisas que acontecem.

sábado, 18 de agosto de 2012

Se esquecer fosse o nome

 Tu serás sempre passado de um presente futuro. Será sempre memória viva de que um dia fomos, amigos.
 Tenho saudades de tudo, mas mesmo tudo, das nossas conversas, dos nossos desabafos, dos nossos conselhos, até mesmo das nossas discussões. Tínhamos assunto para tudo, até mesmo para discutir.
 Se nós agora estamos como estamos é por houve mal entendidos, e tu nunca quisestes ouvir-me. Melhor, tu nunca quiseste me conhecer quem realmente sou. Se o teu problema foi o mesmo que o meu, agora nada feito. Qual foi o problema? O medo. O meu medo foi estragar a nossa amizade, o teu foi o mesmo, mas não só, tiveste medo de te apaixonares por mim!
 Sabes daquela vez que pedi para falar contigo, no oitavo ano, e apareceram dois amigos teus que não nos deixaram falar um com o outro? Pois bem, não era nada disso que depois fui falar contigo no msn, eu queria declarar me a ti, mas não foi possível. Mas ainda bem, pois não sentias o mesmo por mim, assim não passei tanta vergonha como nas outras vez que te disse que gostava muito de ti. Mas melhor assim, eu também não queria um rapaz como tu, que me magoou-me como amigo. Não, não queria um rapaz como tu. Digo-te, sempre gostei de ti, não só como amigo que eras, mas sim, pela pessoa que eras quando eu te conheci, um rapaz espectacular, brincalhão e divertido, fazias-me rir, tinha respeito por ti, deixei-te me conheceres e tornamos-nos amigos, até mesmo, melhores amigos, sim até isso que tu não gostavas, ter melhor amigos. A mim deste-me essa hipótese, ser tu melhor amiga.
 Não me canso de falar de ti e do tudo mal que me fizeste, e da pessoa que eras e do que tu te tornaste agora!

sábado, 4 de agosto de 2012

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Esperar por aquele Alguém

 Vou ter que esperar para que aconteça o momento certo. Esperar para poder-te ver. Esperar cada segundo da minha vida, por alguém que esteja a minha esperar também. Esse alguém também espera por mim,tal como, eu espero por ele.
 Não se pode descrever essa ansiedade. Morro por dentro ao esperar esse alguém. Esse alguém que me vai completar, esse alguém que me vai fazer com que eu me sinta feliz todos os dias.
 Não sei bem como me vou sentir quando te encontrar. Espero que não haja complicações para ficarmos juntos,que não haja medos entre nos,que não haja mentiras e que não haja traições. 
 Se te encontrar, (espero que sim :) ), quero ser a tua melhor amiga, que não me escondas coisas( se não quiseres dizer não digas :), não vou ficar chateada), mas espero sim, que contes comigo para tudo. Vais ser o meu fiel companheiro com quem posso contar.
 Por "Ti", Eu vou esperar. Serás tu, talvez, que me vais aquecer o coração?
Este baloiço ficará à tu espera...

quinta-feira, 5 de julho de 2012

A noite

Queria sonhar, para saber quem és, para saber-te ouvir, gostava de poder te ver para saber ver-te. Acredita!
Queria-te aqui. Seja quem for que sejas, amor por ainda por descobrir.

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Na cozinha!




 Relembra-te das aventuras, e começa a experiência!

domingo, 3 de junho de 2012

Melhor Amiga



 Amiga.
 Tu foste a primeira pessoa a convidar-me para ir dormir a tua casa, quando eu passei o pior momento da minha vida, foste tu que me amparaste, quando mais ninguém o fez. Até a pessoa que eu pensava que era o meu melhor amigo, foi uma desilusão. Mas, esse agora não interessa para aqui, fica para outro dia.
 A primeira vez que fui dormir a tua casa senti-me um pouco estranha, mas depois falaste comigo, divertimos-nos muito, fomos até aquele pequeno parque ao lado do teu prédio, enfim, convivemos.
 Amigas assim há poucas.
 Não quero que tenham pena de mim! Eu tento ultrapassar as minhas dificuldades sozinha, mas por vezes não consigo, sinto-me perdida. Mas, por vezes, não me compreendes, e eu a ti também não. Por isso, eu as vezes não quero falar sobre esses assuntos. Prefiro estar calada, para não haver confusões.
 Agora já não sei, queria que estivesses ao pé de mim, e não estás. Queria que me ajudasses com a matemática, mas não podes porque estas longe, o nosso horário e diferente, e por vezes tu não queres fazer um esforço para estarmos juntas (posso estar enganada). Mas, amizades à distancia, por vezes, não resultam, a nossa ainda esta de pé, mas por quanto tempo? Perguntei-te, já algum tempo, se seriamos amigas até aos 40anos, tu respondeste que sim,ainda disseste que a nossa amizade era para sempre com toda a certeza, e espero que estejas certa, porque se não, o que quê valeu a pena?

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Há sempre dias assim...

 No momento em que regredimos pensamos que já não há nada a fazer e que já não existe esperanças. De momento pensamos isso, mas existe algo melhor por ai, certo? Sim, decerto modo. Estás triste? Então, faz aquele sorriso de que toda gente gosta, e se te dizem, " Para de te rir" não o faças, ri ainda mais alto, lol, pois essas pessoas não sabem o quanto estas triste e demonstras rindo do nada, pois são os nervos, ahahah, no meu caso. Por isso.

 Faz o teu melhor sorriso no teu pior dia :) 

                    Dias de chuva são triste, então é um mau dia, faz o teu melhor sorriso.

sábado, 14 de abril de 2012

Peguei nas tuas costas e sorri

segunda-feira, 26 de março de 2012

De amigo *


"Mais uma vez eu enganei me ao pensar que tu nunca me abandonarias, mais uma promessa não cumprida, mais uma decepção* para minha coleção." 
 


Friends in love

Podia tentar explicar-te... mas, não consigo!
 

domingo, 18 de março de 2012

Esperando...

Vai ser assim, não há palavra?
 

sábado, 17 de março de 2012

Quero saber de "Ti"

Gostava que um simples dia nunca acaba-se. Amaria sonhar todos os dias esse dia, pois era o tal.
À que compreender que nada volta o que nunca foi nosso por direito, e isso faz-me matar por dentro aos poucos cada dia. Agora à que resolver o problema, não sei bem como nem com que coragem, mas vou ter que pensar positivo, vou tentar, mas não consigo. Estraga-me por dentro.
 

terça-feira, 13 de março de 2012

Estou refugiada em mim
 

sexta-feira, 2 de março de 2012

Esperando fora das linhas
Rostos lindos tontos

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Quero andar sobre os teus pés.


Quero ver o meu sorriso nos teus olhos. 

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Hoje vou fazer aquele sorriso para ti, mas escondido.

Interrogação e Exclamação para essa Vida ( se posso chamar isso de vida)

 Dá para perceber que o mundo é feito de enganos e de feitos mal feitos, lá eu tinha coragem de ter feito o que vi com os meu olhos que me comoveu.
 Ora bem, estava eu com a minha mãe e com o meu irmão, nos Armazéns do Chiado, na parte do comer, e tipo apareceu um tipo a pedir uns trocos para comer, tinha para ai uns 22 anos e meio gótico, como ninguém deu nenhuns trocos(nem mesmo eu, não tinha, enfim) tipo o rapaz tinha visto alguns restos de comida nos pratos de outras pessoas que não tinham comido tudo, e tipo pegou num papel para levar o resto das comidas, e tipo, chega o segurança e tira-o da li sem comida, epah que mal tinha o rapaz comer os restos! Não estava a incomodar ninguém, esse mundo anda cada vez pior, comida boa para o lixo, que desperdício! 
 Acreditem nunca me passou pela cabeça que o rapaz fosse fazer aquilo e nem mesmo que o segurança o metesse fora!

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Feliz dia dos Solteiros


Para mim é dia dos solteiros ... ^^

Como anda o teu coração?

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

ESTOU FARTA




Estou farta de tudo, anda tudo a correr me mal, não tenho motivos para sorrir podem ter a certeza que não tenho,e parem de me dizer para eu me rir, porque não tenho motivos para me rir,OK? Estou tão farta desta vida, anda tudo mal cá em casa é a minha mãe é o meu irmão, e falta que o meu pai me faz cá em casa, sei que ele estará la em cima a ver tudo o que se passa cá em baixo... Odeio-me profundamente nada corre bem, que cargo que eu devia de ter nesta vida de merda... Choro todas as noites a pensar em tudo, e na escola tento me abstrair mas la escapa alguma coisa, e não consigo estar bem comigo mesma, ponto final.... ODEIO TUDO E TODOS (mais valia desaparecer).



sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Detetive



 Deixei-te de te decifrar, de seguir pistas se elas houvessem. Há por bem uma escuta, mas que não dá bem para entender, com curiosidade perguntaria "que estas a fazer?" talvez recebe-se uma boa resposta.
 À que ouvir as palavras e as decifrar, pois mal explicadas não há nada a fazer. Há que ter sentimentos e explica-los, difícil mas uma boa opção.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Voa e deixa-me sozinha!



Voa borboleta jovem,
vai explorar o mundo sem mim,
depois cantaremos um solo.

Desperdiça o teu tempo
a olhar para as nuvens durante o dia,
e para as estrelas durante a noite.

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Está a ser difícil...

Estou a ser consumida por algo que me detém a não deixar de pensar no certo incomodo. A paixão será a palavra roubada.